quinta-feira, 4 de outubro de 2012

Símbolo da paz

 
  ( Foto de CamilaSB ) 

No meu Jardim floresce a oliveira
com frutos, verde e ouro sem-igual!
De tronco resistente e ancestral
é rainha em terras cá da Beira.

Insígnia de Atena-A-Guerreira,
que numa alegoria excepcional   
suplantou o poder do seu rival
com a nobre e profícua oliveira!

Abençoada por deuses gloriosos
é símbolo da paz, luz e verdade;
ideais de harmonia entre povos

que lutam com amor e dignidade
p'ra cultivar o bem - unindo esforços -
na busca de paz e prosperidade.

A: CamilaSB
2012

27 comentários:

  1. Que bela foto. Tenho Oliveira, na origem familiar, e só vim conhecer olivais em Portugal, em 1979, quando aí estive. Algum tempo depois, encontrei alguns pés de oliveira, nas ruas de Porto Alegre, no Sul do Brasil.
    Lindo poema, Camila.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  2. Que belo teu poema, Camila!
    Toda paz pretendida vem junto no ritmo, na musicalidade da tua poesia. Venham para todos nós árvores ancestrais, com raízes profundas, entrelaçadas no mais puro dos sentimentos de amor que a natureza de todas as coisas possam incutir na gente.
    Abraços. Daniel

    http://dagarpower.blogspot.com

    ResponderEliminar
  3. Minha querida Camila,

    Belo o teu poema e bela a tua árvore ancestral com seus frutos da cor do ouro e da oliva...também me chamo Oliveira e prezo o meu sobrenome herdado de meus ancestrais, vindos de Portugal e de saudosa memória.

    Bjsssss
    Leninha

    ResponderEliminar
  4. Sinto-me Oliveira, nessa Terra
    Que te trás orgulho e dignidade.
    Percorro, Contigo, a Paz e a Guerra
    Que nos alça a Ama, de verdade,
    E onde a nossa Pátria nos encerra.


    Beijos


    SOL

    ResponderEliminar
  5. Grande ode à Oliveira!

    Também tenho umas por cá.

    Um símbolo sempre presente.

    Beijinho

    ResponderEliminar
  6. Olá Camila,
    A Oliveira tem raízes profundas e esperanças muitas.

    Dá pouca sombra nas cabeças de alguns, mas alimenta-nos a alma! Aí, nos seus ramos, não poisam vampiros!

    Beijo

    ResponderEliminar
  7. Que belo poema! também gosto muito dessa árvore, com ou sem azeitonas gosto de a observar.
    Bjs

    ResponderEliminar
  8. Belo soneto
    construído com versos ancestrais
    regado pelo teu lirismo
    por antigos olivais
    com gosto e aromas
    musicais

    mui belo!

    Luiz Alfredo - poeta

    ResponderEliminar
  9. A calma e a paz na doçura das palavras...
    Lindo...
    Obrigada pela visita
    Beijos e abraços
    Marta

    ResponderEliminar
  10. .

    .

    . uma terra verdejante . de oleáceas plantadas . a pomba . a paz . a azeitona revigorante . e as palavras semeadas .

    .

    .

    . um bom.domingo .

    .

    .

    . um beijo meu .

    .

    .

    ResponderEliminar
  11. Há milhares de Oliveiras por esse mundo afora....árvores lindas às quais foi indicado que promovessem a paz....que lembrassem em cada folhinha, em cada frutinho...em cada pássaro que nelas poisa a importância dos pequenos gestos na conquista dessa tão ambicionada paz. Mas o homem teima em não perceber e lá continua a Oliveira forte e tenaz na sua função de mostrar-nos que a paz é possivel se houver boa vontade. Um beijinho e parabéns pela bela poesia que aqui nos mostras. Um bom Domingo, amiga!
    Emília

    ResponderEliminar
  12. Só tinha visto uma oliveira em filme, acho que nem tem no Brasil... Gostei desses ares ancestrais e gostei muito do poema.Encantador.


    Beijos, Camila e ótimo domingo.

    ResponderEliminar

  13. Este pensador, viajeiro entre Sois
    Esta Ave pousada em mil embarcações
    Esbarco que passa sem vela ou remo
    Esta arca repleta de vibrantes emoções

    Esta mestiça flor de açafrão
    Este ramo de espinhos cravados na mão
    Esta alma que não ousa largar opinião
    Este homem vestido de solidão

    Bom domingo

    Doce beijo

    ResponderEliminar
  14. um fio de azeite sobre o pão
    e até os olhos se azeitonam

    é de paz o seu quintal,Camila


    um beijo

    ResponderEliminar
  15. A oliveira também é uma das minhas árvores favoritas!

    Boa semama na para si!

    ResponderEliminar
  16. Tão bonitas a oliveira e as palavras!

    beijinhos

    ResponderEliminar
  17. Oliveiras, símbolo da paz... e do nosso querido Portugal! Belo texto, boa semana.

    ResponderEliminar
  18. Meu coração fica feliz quando você me visita
    Meu blog fica lindo com seu comentário
    Minha semana é bem mais feliz quando tenho noticias de você.
    Meu coração agradece quando você me carinha
    com suas doces palavras.
    Sua amizade é muito importante para mim,
    pois meu blog ilumina com sua presença.
    Uma semana na paz e na luz carinhosamente,Evanir.


    ResponderEliminar
  19. Também tenho no meu quintal algumas oliveiras. Este ano não deram fruto, mas estão muito bonitas.
    Gostei do poema que é um hino a esta árvore abençoada desde a antiguidade pelo saboroso óleo com que nos alumia e alimenta.

    ResponderEliminar
  20. Espero que a poetisa consiga arranjar sempre muita inspiração para escrever poemas maravilhosos como este. Não podemos desistir dos nossos sonhos!! Beijocas

    ResponderEliminar
  21. ‎.·´✿‎.·´✿‎.·´✿
    Um dia de sol e calor ,venho agradecer todo seu carinho e deixar o meu, por estar sempre no meu Cantinho
    com suas palavras de incentivo,
    Parabéns pelo belo post, com esse simbolo da paz lindooo
    Abraços
    Rita!!!!
    ‎.·´✿‎.·´✿‎.·´✿‎.·´✿

    ResponderEliminar
  22. Os tempos que correm estão a precisar de oliveiras como as do teu jardim, porque há uma guerra em curso. E é quase certo que vamos ser esmagados com tantos e tão pesados impostos...
    Magnífico soneto, querida amiga, gostei.
    Um beijinho, Camila.

    ResponderEliminar
  23. Numa época em que os deuses parecem estar loucos, eis que chega o seu símbolo da paz!
    Um soneto maravilhoso de alguem que, para além de dominar as letras sabe dos domínios do coração na paz.
    Obrigada Camila
    Como sempre é tão gratificante vir a sua casa
    Muitos beijinhos

    ResponderEliminar
  24. Querida amiga,

    Meu silencio tem sido longo.

    Mas não tem sido por esquecimento, mas sim por conta dos acontecimentos do dia a dia.

    Quero muito agradecer a sua presença amiga lá no meu cantinho, a qual trás muita alegria para o meu coração.

    Que Deus a abençoe, e realize todos os seus sonhos e projetos.

    Uma linda semana para você coberta de muita paz e Amor!

    Abraço Amigo

    Maria Alice

    ResponderEliminar
  25. Camila
    um sorriso meu e um bom fim de semana.
    beij

    ResponderEliminar